Liberdade impulsionou sucesso de 'A Força...'

Por O Dia

Como não poderia deixar de ser, a novela 'A Força do Querer' foi o centro das atenções e discussões do prêmio 'Melhores do Ano' realizado domingo pela equipe do programa comandado por Fausto Silva na Globo. Nos bastidores muita gente não digeriu muito bem a vitória de Paolla Oliveira na categoria Atriz de Novela, por entender que a honraria deveria ter ficado com Juliana Paes. Zebra?! Em hipótese alguma. Houve estranhamento ainda em relação ao fato de Débora Falabella ter levado para casa o prêmio de Atriz Coadjuvante, no duelo com Elizangela e Zezé Polessa.

Polêmicas à parte, também chamou atenção uma constatação da maioria dos atores de 'A Força do Querer' durante a festa, e isso precisa ser destacado. É sobre a liberdade concedida por Glória Perez e o diretor Rogério Gomes para que eles pudessem criar e desenvolver seus personagens. Improvisar, até, se necessário. Isto foi destacado pelo elenco como um dos principais motivos do sucesso da novela. Mas esta tal "liberdade" não é uma característica geral em se tratando de novelas e, em muitos casos, pode se tornar um "campo minado". Há autores totalmente contrários à ideia de alguém "fugir do roteiro" ou de colocar "cacos" no texto. Dão chiliques, mandam recadinhos para a produção e até "explodem" personagens... No caso de 'A Força', no entanto, tudo deu muito certo.

Comentários

Últimas de Diversão