Segurado do INSS pode pegar resultado de perícia no mesmo dia

Laudos estarão disponíveis na internet após as 21h do dia do atendimento no posto

Por O Dia

Rio - Os segurados do INSS que foram convocados para passar pela perícia médica, inclusive do pente-fino, agora podem pegar o resultado do exame no mesmo dia por telefone ou pela internet. Desde a última semana, a informação ficará disponível no site www.previdencia.gov.br ou pela Central Telefônica 135, a partir das 21h do mesmo dia que o atendimento foi feito no posto da Previdência.

Para saber se o resultado, o segurado precisa informar nome completo, a data de nascimento, o CPF e o número do benefício. Antes, a opção dada a quem passava pela perícia era aguardar a resposta por carta, cerca de 20 dias após o atendimento. Depois foi alterado para o dia seguinte da perícia, conforme O Dia informou no dia 16 de setembro do ano passado.

Antes%2C a opção para quem fazia perícia no INSS era aguardar a resposta por carta 20 dias após atendimentoAlexandre Brum / Agência O Dia

O prazo para que os mais de 2,8 mil segurados que recebem auxílo-doença em todo Estado do Rio atendessem à segunda chamada do INSS para que não tivessem o benefício suspenso acabou no dia 7, conforme informou a Coluna do Aposentado de domingo.

De acordo com o instituto, as pessoas não foram localizadas após envio de carta para fazer a perícia. No dia 31 de março, foram publicados editais no Diário Oficial da União convocando esse grupo para que agendasse a perícia sob pena de cancelar o pagamento.

Os editais são publicados por gerências-executivas (no estado os avisos foram destinados aos segurados vinculados a gerência de Campos dos Goytacazes, Duque de Caxias, Rio-Norte, Petrópolis, Niterói e Volta Redonda).

O instituto informa que “em virtude da devolução pelos Correios do ofício de convocação encaminhado pelo INSS ao endereço constante no cadastro do Sistema Único de Benefícios (SUB), devido à não localização do beneficiário ou que o endereço constante no cadastro está incompleto, impossibilitando a emissão de correspondência” o segurado tinha prazo de cinco dias a contar da publicação no DO “para que entre em contato com a central de teleatendimento, ligando para o número 135, para conhecimento da data agendada para reavaliação de benefício por incapacidade”.

Senado vai analisar bônus de peritos

A Comissão Mista vai analisar a Medida Provisória (MP) 767/2017 na terça-feira. A MP reestrutura a composição remuneratória da carreira de perito médico previdenciário e da carreira de supervisor médico-pericial, instituindo um bônus especial de desempenho por perícia médica em benefícios por incapacidade, no âmbito do INSS.

O relator da matéria é o senador Eduardo Amorim (PSC-SE). A MP estabelece o pagamento de R$ 60 de bônus por perícia médica extra efetivamente realizada e estima um gasto total de R$ 223 milhões ao longo de dois anos. Com a realização das perícias e regularização dos benefícios, o governo espera economizar R$ 2,2 bilhões em 2017 e R$ 2,3 bilhões em 2018. A MP 767 resgata as propostas da MP 739/2016, que caducou em novembro.

Últimas de Economia