Com gol olímpico de Conca, Guangzhou vence na Liga dos Campeões da Ásia

Equipe chinesa venceu o Kashima Reysol, do Japão, por 4 a 1

Por O Dia

China - O Guangzhou Evergrande goleou o Kashiwa Reysol, do técnico Nelsinho Baptista, por 4 a 1, no primeiro jogo da semifinal da Liga dos Campeões da Ásia. Os destaques foram o argentino Conca e o brasileiro Muriqui, que marcaram dois gols cada um. A equipe chinesa começou atrás no placar, mas conseguiu a virada no segundo tempo, com direito a gol olímpico de Conca. Agora, o clube pode perder até por dois gols de diferença que irá se classificar para a grande final.

Conca comemora o gol Reprodução Facebook

"Fizemos um jogo muito bom, principalmente no segundo tempo quando dominamos e fomos felizes nas conclusões. Entramos em campo sabendo que iríamos enfrentar um adversário complicado, bem treinado pelo Nelsinho Baptista e isso se comprovou no primeiro tempo. Começamos a partida sofrendo um gol e, felizmente, consegui tirar uma bola em cima da linha quando o jogo ainda estava empatado em 1 a 1. Depois, fui feliz na cobrança de escanteio e consegui marcar meu primeiro gol olímpico na carreira. Sempre bato minhas cobranças de corner fechado e hoje contei com a sorte na jogada. Um gol importante em uma partida que ficará marcada para sempre em minha memória”, ressaltou Conca.

Já o atacante Muriqui, assumiu a liderança isolada na artilharia da competição, com 11 gols marcados. O jogador ainda está próximo de igualar o recorde da competição, de Ricardo Oliveira, que balançou a rede 14 vezes, na edição passada.

"Essa temporada vem sendo maravilhosa para mim. Não penso em quebrar recordes nem em conquistas individuais e sim entrar em campo e ajudar a equipe a sair de campo com a vitória. Mas não posso negar que a possibilidade de quebrar o recorde de gols marcados do Ricardo de Oliveira é uma grande honra. Porém, o meu foco principal é ajudar o time a conquistar o título inédito que tanto sonhamos”, afirmou Muriqui


Últimas de Esporte