Lutadores do UFC lamentam e criticam doping de Anderson Silva e Nick Diaz

Chris Wade, Tim Kennedy e Cody Bollinger criticaram a atitude dos companheiros de octógono flagrados no exame antidoping

Por O Dia

Rio - Depois de o exame antidoping atestar que Anderson Silva, ex-campeão dos médios do UFC, foi flagrado no antidoping realizado no dia 9 de janeiro, antes do duelo contra o americano Nick Diaz (também flagrado pelo uso de maconha em teste após o combate), lutadores lamentaram o episódio nas redes sociais.

Anderson Silva cai em teste antidopingAndré Mourão

Anderson Silva foi pego com metabólitos de drostanolona e androsterona em teste realizado em janeiro. No sábado, em Las Vegas, ele derrotou Diaz por decisão unânime.

LEIA MAIS: Notícias, lutas e bastidores: tudo do mundo do MMA

"É enganar todas as facetas da humanidade e, portanto, todas as formas de manifestações esportivas. Eterna busca para obter vantagem", escreveu Chris Wade.

LEIA MAIS: Anderson Silva é flagrado em exame antidoping por uso de anabolizante

Tim Kennedy também se manifestou: "Eu disse que há um problema maior em nosso esporte. Parte o meu coração que o maior de todos os tempos tenha sucumbido à pressão."

O americano Cody Bollinger, de 23 anos, opinou.

"Maldita sujeira. Não quero olhar para nenhum deles esses dias. Danem-se, Silva e Diaz".

Este é o segundo escândalo de doping do UFC em 2015. Dias depois de sua vitória sobre Daniel Cormier, Jon Jones, campeão dos meio-pesados e grande nome do Ultimate, foi flagrado no doping pelo uso de cocaína. O presidente do UFC Dana White ainda não comentou o caso de Anderson Silva.

Últimas de Esporte