Renan Fonseca descarta que a sua ausência tenha sido decisiva em derrota

Zagueiro não esteve presente em duelo contra o Santa Cruz

Por O Dia

Rio - Presente nas 35 rodadas que deram ao Botafogo o acesso para a Série A com três de antecedência, o zagueiro Renan Fonseca esteve suspenso e não enfrentou o Santa Cruz. Em campo, os seus companheiros tiveram uma atuação bem abaixo do esperado e o Glorioso foi derrotado por 3 a 0. Humilde, o zagueiro alvinegro afirmou que a sua ausência em campo não fez diferença no resultado da partida

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Renan Fonseca não enfrentou o Santa CruzDivulgação

"Não fiz falta ao time. Foi um resultado ruim, tivemos vários desfalques, foi um dia em que as coisas não deram certo. Não vale a pena falar muito desse jogo. No ano todo vencemos mais e perdemos menos, então a performance precisa ser valorizada. Até pouco tempo estávamos comemorando o acesso e estava tudo bem. Agora vamos buscar o título.", afirmou.

O defensor tem uma marca muito expressiva no ano. Além de ter participado de 35 dos 36 jogos do Glorioso no Brasileirão, ele participou de 59 de 61 na temporada de 2015.

"As coisas vão acontecendo de maneira natural. Por estar presente na maioria dos jogos, vem uma responsabilidade maior. Tenho perfil tranquilo, todos me respeitam, não tenho problema com ninguém. O Ricardo optou por mim, e estou procurando fazer o melhor papel, ajudar e passar algo para os mais novos.", disse.

Sobre o próximo ano, Renan Fonseca não esconde que a sua vontade é permanecer em General Severiano para disputar a Série A pelo Glorioso.

"Sempre deixei claro que o primeiro objetivo era o acesso. Conseguimos, e agora estamos começando a conversar. Em breve vamos chegar a alguma situação, mas minha intenção é de ficar. O Botafogo abriu as portas, e eu acreditei no projeto porque o clube passou por uma reformulação. O Botafogo é grande, bom para trabalhar, e eu me identifiquei.", concluiu.