Duelo de artilheiros: Paolo Guerrero e Ricardo Oliveira esquentam confronto

Pelo Flamengo, atacante peruano vive grande fase. Já o jogador do Santos prometeu até gol para o jogo de domingo

Por O Dia

Rio - Os ingredientes estão todos na mesa. O Maracanã deve ter casa cheia neste domingo, às 16h, para receber Flamengo e Santos e, em especial, dois artilheiros: Paolo Guerrero e Ricardo Oliveira.

Do lado rubro-negro, o peruano incendiou a Nação que até a noite desta quinta-feira já tinha comprado quase 40 mil ingressos. Com três gols em quatro jogos, Guerrero terá a precisosa companhia de Emerson Sheik, que volta de suspensão.

Guerrero é o craque do FlamengoAndré Mourão / Agência O Dia

"Sou Guerrero toda vida. Acho ele um fenômeno. Mas isso tem a ver com o convívio também. Eu não conheço o Ricardo. O Paolo tem toda essa estrela, é dedicado, um dos últimos a sair do treino. Fico 100% com o gringo", opinou Sheik.

Do outro lado, Ricardo Oliveira é artilheiro do Campeonato Brasileiro e vive grande fase, embora o Santos não esteja bem na tabela. Ele prometeu um gol contra o Flamengo para o menino Bryan, que na quinta-feira visitou o CT Rei Pelé. O garoto de 9 anos luta contra a leucemia desde os 4.

"Eu vou marcar um gol e vou dedicar pra você (Bryan). Vou chegar perto da câmera e vou falar que esse gol é pro meu amigo Bryan. Vai dar tudo certo e você vai voltar aqui e jogar uma bola com a gente", prometeu Ricardo.