Wallace chega ao Sul para assinar com Grêmio e fala sobre perseguição no Fla

'Coisa de torcedor. Tinha de ter alguém como alvo', declarou

Por O Dia

Rio Grande do Sul - Wallace desembarcou, nesta segunda-feira, em Porto Alegre, para iniciar sua trajetória no Grêmio. O zagueiro pediu para sair do Flamengo às vésperas da estreia no Brasileiro, alegando pressão. Nas palavras de Wallace, ele se tornou o "alvo" da torcida rubro-negra.

"É normal (perseguição da torcida), coisa de torcedor. Eu era o cara que tinha mais tempo no elenco, era o capitão. Tinha que ter alguém como alvo", declarou Wallace.

O zagueiro acrescentou que o Grêmio era um "namoro antigo": "A gente já estava conversando com o Grêmio havia algum tempo. Até porque eu já queria sair do Flamengo. Demorou mais do que eu esperava, mas estou feliz. Quero vestir a camisa do Grêmio logo e jogar. Estou muito ansioso. Um pouquinho de medo, mas ansioso", acrescentou.