Flu conta com Fred e Conca em 2015 e revela que Bruno e Sobis estão de saída

Vice de futebol fala sobre manutenção, renovação e perdas no elenco tricolor para a próxima temporada

Por O Dia

Rio - O Fluminense trabalha de olho em 2015 e tenta resolver as pendências de 2014, principalmente com o atual elenco. O Tricolor admitiu, nesta terça-feira, na apresentação de Fernando Simone como diretor executivo, que Bruno e Rafael Sobis estão de saída.

Sobis deve dar adeus ao Fluminense em breveMárcio Mercante

"Bruno está em negociação com o São Paulo, a tendência é a de que haja uma compensação financeira ao Fluminense. A tendência é a de que Rafael Sobis saia. Tem de ser uma coisa boa a todos nós. O contrato dele se encerra em julho e isso significa que ele pode assinar pré-contrato. Independentemente da nossa nova realidade, os atletas que passaram aqui e honraram a nossa camisa devem sair daqui da melhor maneira", disse Mário Bittencourt, vice de futebol.

LEIA MAIS: Fluminense confirma renovação de contrato do técnico Cristóvão Borges

Outra questão que o Fluminense tenta resolver é a manutenção de medalhões como Fred, Conca, Wagner, Cícero e Jean. Bittencourt abordou, em especial, a situação de Fred e Conca.

"Os dois possuem contratos. Conca tem até 2017. Fred tem até 2015. Ambos têm vínculo com o clube, seus contratos de imagem estão garantidos pelo nosso ex-parceiro (Unimed). Celso Barros manifestou a continuidade contratual. Hoje são do Fluminense e contamos com eles de forma integral para 2015", declarou.

O dirigente, porém, não cravou a permanência dos atletas e garantiu que não recebeu ofertas.

"Qualquer atleta, como eu disse, pode deixar o clube. Há multa. Se alguém quiser pagar e o atleta quiser sair, pode ter negócio. Desde que seja bom ao clube, o tripé tem de fechar. Não temos nenhuma proposta e, pelo o que sei, os atletas também não. E não falo só Conca e Fred, mas tem Cícero, Jean, Wagner", afirmou.

Em outra frente, o Fluminense tenta renovar com atletas: "Temos conversas avançadas tentando aí a manutenção de dois ou três atletas. São eles: Diego Cavalieri, Gum e Chiquinho", revelou Bittencourt.