Levir Culpi pensa em um passo de cada vez no Brasileirão

Com 46 pontos, Fluminense é o nono colocado na classificação

Por O Dia

Rio - Buscando voltar ao G-6 do Campeonato Brasileiro, o Fluminense se prepara para enfrentar o Coritiba. O Tricolor deixou a ponta da tabela e agora ocupa a nova posição na classificação, com 46 pontos. A disputa acirrada por uma vaga na Libertadores faz com que cada ponto se torne ainda mais importante nessa fase da competição. Levir Culpi reconhece a necessidade de somar na tabela, mas prefere pensar partida por partida.

Levir Culpi concedeu entrevista coletiva após o treino da manhã desta sexta-feiraAdelson Costa/Parceiro/Agência O Dia

"Não sou bom em finanças, quem cuida do dinheiro é minha esposa. Mas confio na matemática. Um número de pontos dará a classificação. Falam em 60. Mas como se faz para chegar lá? E daí? Tem de ir jogo a jogo. A conta agora é somar três pontos contra o Coritiba", disse o treinador.

O técnico afirmou que a escalação para o duelo com o Coxa não preocupa. Levir falou sobre a possibilidade de ter Renato Chaves na vaga de Gum, para preservar o capitão que sentiu dores. Porém, o reserva torceu o tornozelo direito nas atividades da manhã desta sexta-feira, no CT da Barra da Tijuca, e ainda será reavaliado no sábado.

"Eu considero o Renato Chaves um titular. Das vezes em que jogou, foi bem. Foi mais precaução ao Gum, que sentiu dores. Então, diminuímos o trabalho do Gum e aumentamos o do Renato. É claro que, com o revezamento no treino, dá confiança aos jogadores. Para os atletas não sentirem falta de ritmo quando necessário", contou o treinador que ainda saiu em defesa de Gum, que vem sofrendo críticas por parte da torcida: "Ele tem a confiança de todos nós. Merece respeito por isso."

O Fluminense enfrenta o Coritiba neste domingo, às 18h30, no Couto Pereira.