Yago Pikachu mostra poderes especiais em São Januário

Lateral recém-contratado rouba a cena atuando como ponta-direita e tem recebido elogios da comissão técnica

Por O Dia

Rio - Yago Pikachu foi contratado no início da temporada para ser a sombra de Madson. Mas, curiosamente, é mostrando bom entrosamento com seu maior concorrente e atuando como ponta-direita que o novato tem roubado a cena em São Januário. Curinga no baralho do técnico Jorginho, Pikachu é a bola da vez do time vascaíno e a vaga de titular parece ser mera questão de tempo.

“Na realidade, quando Yago Pikachu entra, ele é um ponta, jogando pelos lados. Ele sabe se movimentar, é um jogador muito qualificado tecnicamente. Quando o Madson vai, ele faz a cobertura”, diz Jorginho que tem aproveitado a ofensividade da dupla para fortalecer o lado direito do time.

Pikachu tem impressionado a comissão técnica do VascoPaulo Fernandes / Vasco.com.br / Divulgação

Revelado aos 9 anos no futsal do Tuna Luso, onde chegou a jogar com o são-paulino Paulo Henrique Ganso, o paraense Glaybson Yago acabou estourando no arquirrival Paysandu, pelo qual foi a sensação da última temporada. Lateral-artilheiro, marcou 20 gols em 2015, mais do que todos os atacantes do Vasco no período. “Cada ano que passei no Paysandu a crescente foi muito boa. Fiz doze gols em 2012, quinze em 2013, quinze em 2014 e vinte em 2015”, disse o jogador em sua apresentação oficial.

Mas se Pikachu está em alta, o mesmo não se pode dizer do garoto Mateus Pet. Aposta de Jorginho na pré-temporada, em Pinheiral, o meia atacante de 17 anos ainda não encaixou no meio e está devendo. Tanto é que foi substituído no intervalo dos dois jogos do Carioca ( Madureira e América) para a entrada de Pikachu. No jogo de amanhã contra o Volta Redonda, às 19h30, em São Januário, a dúvida permanece no ar. Como os treinos do Vasco têm sido fechados, a confirmação virá só no vestiário.