Governo da Colômbia fecha acordo com as Farc

Negociações duraram 44 meses e foram finalizadas em Havana

Por caio.belandi

Bogotá - A equipe de negociadores do governo da Colômbia nos diálogos de paz com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) confirmou que será anunciado nesta quarta-feira o fim das conversas com a guerrilha e o fechamento do acordo. "Às 18h da Colômbia (20h em Brasília) anunciaremos o término das conversas e a conclusão do acordo", escreveu a equipe de negociação em sua conta oficial no Twitter.

Horas antes, o presidente do país, Juan Manuel Santos, disse que espera dar hoje ao país uma notícia "histórica" relacionada com a conclusão em Cuba das negociações de paz com as Farc. "Os negociadores estão neste momento em Havana dando os últimos retoques à paz porque hoje espero dar uma notícia histórica, muito importante para o país", disse o chefe de Estado em um ato com estudantes em Bogotá.

As duas partes nos diálogos terminaram ontem em Havana as negociações de paz após 44 meses de conversas. O anúncio final será feito oficialmente hoje, após ajustes de caráter técnico. Depois, o pacto segue para assinatura nos próximos dias na Colômbia.

No entanto, antes da assinatura, Santos poderá apresentar o texto ao Congresso Nacional para pedir a convocação de um plebiscito no qual espera-se que os cidadãos do país aprovem o firmado com as Farc.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia