Número de imigrantes mortos em naufrágio no Egito sobe para 178

Ainda há o temor de que o número total de mortos seja muito maior, já que cerca de 100 pessoas ainda estão desaparecidas

Por O Dia

Cairo - Subiu para 178 o número de mortos no naufrágio do último dia 21 de setembro na costa da cidade egípcia de Rosetta, no mar Mediterrâneo. A informação é do site "Al Ahram", mas o número não foi confirmado oficialmente pelo governo. O balanço mais recente do Ministério da Saúde do Egito fala em 168 vítimas.

Contudo, há o temor de que o número total de mortos seja muito maior, já que cerca de 100 pessoas ainda estão desaparecidas. Estima-se que pelo menos 400 imigrantes estavam no barco, que tinha a Itália como destino.

O desastre ocorreu a poucos quilômetros da costa de Rosetta, cidade situada na foz do rio Nilo e que abriga um dos principais portos da região. Segundo a Organização Internacional para as Migrações (OIM), 300 mil pessoas já atravessaram os mares Mediterrâneo e Egeu rumo à Europa em 2016. Outras 3,5 mil morreram tentando.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência