Bob Dylan não vai à Suécia pelo Nobel

A instituição destacou que respeita a decisão do cantor americano

Por O Dia

Copenhague - O cantor americano Bob Dylan, vencedor do Nobel de Literatura deste ano, não viajará a Estocolmo para receber o prêmio, que será entregue dia 10. “Ele gostaria de recebê-lo pessoalmente, mas outros compromissos o impossibilitaram. E ele ressaltou que se sente enormemente honrado”, afirmou em comunicado ontem a Academia Sueca, que recebera uma carta do músico.

A instituição destacou que respeita a decisão de Dylan e que o fato de um premiado não viajar a Estocolmo é pouco frequente, mas não excepcional. “A distinção é dele mesmo assim”, ressaltou a Academia. Dylan deverá, no entanto, oferecer uma conferência de recepção do prêmio até junho.

Bob Dylan ganhou o Nobel de LiteraturaEfe

Após duas semanas com mensagens ambíguas do músico e mal-estar na Academia por sua falta de resposta, Dylan aceitou o Nobel no fim do mês passado. Secretária da instituição, Sara Danius revelou então que Dylan tinha agradecido em uma ligação a distinção, que lhe tinha deixado “sem palavras”.

O músico foi reconhecido por criar “novas expressões poéticas dentro da grande tradição da canção americana”, uma escolha surpreendente por ser a primeira vez que se premia um cantor.