Brasil tem muito a avançar no combate à violência contra a mulher, diz Dilma

Presidenta comentou pelo Twitter pesquisa do Ipea que aponta que os brasileiros consideram mulher responsável por abusos

Por O Dia

Brasília - A presidenta Dilma Rousseff comentou pelo Twitter, na manhã desta sexta-feira os resultados da pesquisa que mostrou que os brasileiros ainda consideram a mulher responsável pela violência sexual. Pelo perfil @dilmabr, a presidente afirmou que "pesquisa do @ipeaonline mostrou q a sociedade brasileira ainda tem muito o q avançar no combate à violência contra a mulher #Respeito".

Dilma comenta pesquisa do Ipea sobre violência contra mulher no TwitterReprodução / Twitter

Levantamento divulgado pelo Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) nesta quinta-feira indica que 42,7% dos brasileiros concordam totalmente com a frase "mulheres que usam roupas que mostram o corpo merecem ser atacadas" e 35,3% com a afirmação "se as mulheres soubessem se comportar, haveria menos estupros".

Jovens e moradores das regiões sul e sudeste têm menos chances de culpar o comportamento feminino pela violência sexual. A chance também é menor à medida em que aumenta o nível educacional do entrevistado. Católicos têm chances 1,4 maior de concordar total ou parcialmente com a afirmação. Entre evangélicos, a chance é 1,5 vez maior.

Últimas de _legado_Brasil