Preços dos ovos de Páscoa 6,78% mais caros, em 2014

Em apenas um ano, o valor ficou acima da inflação acumulada pelo IPC/FGV entre abril de 2013 e março de 2014

Por O Dia

Rio - Quem percebeu que os preços dos ovos de Páscoa deste ano estão menos doces estava certo. Na comparação com o ano passado, o valor da principal iguaria da Semana Santa subiu 6,78% em 2014, ficando acima da inflação acumulada pelo IPC/FGV entre abril de 2013 e março de 2014, que foi de 6,09%.

Ovos de Páscoa sofreram alta de 6,78% em apenas um anoDivulgação


Entre as sete capitais pesquisadas, incluindo o Rio de Janeiro, o ovo de Páscoa subiu mais em Porto Alegre (7,70%), seguido por Belo Horizonte, que registrou alta de (7,57%). Já em Brasília registrou-se o menor reajuste, 6,31%.

Segundo André Braz, economista da FGV/IBRE responsável pelo levantamento, para driblar o aumento de preços vale compará-los, não comprar na véspera e abusar da criatividade.

“No auge do feriado de Páscoa, os ovos mais procurados já foram vendidos, os que restaram estão quebrados ou são mais caros, por isso, antecipar um pouco as compras pode ser uma boa estratégia”, ressalta. Ele ainda completa que "para os adultos a barra de chocolate e a caixa de bombom são opções mais econômicas".

Últimas de _legado_Economia