Sucesso nas Finanças: Folia com planejamento

Controlar os gastos nesses dias de Carnaval pode nos livrar de um amargo gosto de ressaca

Por O Dia

Rio - É muito comum o brasileiro achar que tudo só começa a funcionar em nosso país após o Carnaval. A rotina diária passa a girar em torno dos preparativos para esta festividade que chegou ao Brasil por volta do século XVII, inspirada nas festas carnavalescas que ocorriam na Europa.

Por ser considerado uma manifestação cultural popular, o Carnaval é aguardado com ansiedade, pois todos, independente de classes sociais, têm acesso à tão sonhada folia ou tão merecido descanso. Extravasar é preciso e o carnaval é a ocasião perfeita. Porém, fazer um planejamento financeiro para esses dias pode nos livrar de um amargo gosto de ressaca ao final da folia. E calma: fazer um planejamento financeiro é mais simples do que possa imaginar.

PERGUNTA E RESPOSTA

“O carnaval já começou e o clima descontraído do período leva muita gente a perder o controle dos gastos e terminar a quarta-feira de cinzas com ressaca moral e financeira. Como controlar melhor o dinheiro durante a folia?”, Aline, por email

Aline, em ano de crise como o que estamos atravessando, planejar e controlar são atitudes indispensáveis para não se endividar.A primeira dica essencial é manter sua movimentação financeira bem controlada, utilizando aplicativos no smartphone ou uma planilha no computador.

Atualmente existem vários aplicativos disponíveis gratuitamente. Você pode também fazer uso de planilhas que permitem controlar a entrada e saída de dinheiro, ou seja, o que você recebe e o que você gasta. Quando falo de movimentação financeira, me refiro a uma conta simples: Quanto tenho? Quais minhas obrigações a pagar? E, por fim, o que me resta para gastar no carnaval? Esta última pergunta é fundamental para você poder definir o que fazer durante o período carnavalesco. Feito isto, faça uma pesquisa dos eventos disponíveis e quais se encaixam em seu bolso.

Antes de sair na rua para curtir os blocos do dia é preciso calcular quanto de dinheiro pode ser gasto sem comprometer o bolso. Geralmente, as pessoas fazem conta depois de gastar o dinheiro. A dica é fazer a conta antes. Exemplo: vou sair de casa com 20 reais porque é “só” isso que eu posso gastar hoje.
Outra dica importante: dividir o valor total do dinheiro pelos dias de folia. Assim a pessoa não vai gastar tudo de uma única vez. Já pensou aproveitar o último dia de bloco sem dinheiro para comprar uma água sequer?

Mas não se desespere caso sua conta esteja no vermelho. No Carnaval, há eventos gratuitos, onde você pode se organizar e brincar, pular e se divertir sem precisar se endividar. Afinal de contas, como diz o poeta Carlos Drummond de Andrade, “o povo toma pileques de ilusão com futebol e Carnaval. São estas as suas duas fontes de sonho”.



Últimas de _legado_Economia