Pai de 22 crianças é poupado da prisão para cuidar de bebê

Britânico admite contato com apenas 14 de seus filhos

Por O Dia

Inglaterra - Na Inglaterra um desempregado, que diz ser pai de 22 crianças com 11 mulheres, foi preso em maio de 2013 por tráfico de drogas. Raymond Hull, de 58 anos, foi dispensado na última quarta-feira da prisão depois de dizer ao juiz que precisava cuidar de seu filho mais novo.

Apesar da polícia encontrar um estoque de cannabis (principal constituinte psicoativo responsável pela maconha) e mensagens de clientes, o juiz aceitou que ele estava ajudando na criação do seu 22º filho, Barry, de sete meses de idade, enquanto sua parceira trabalhava.

O britânico diz conviver com apenas 14 de seus 22 filhos. Mesmo tendo contato com todas as mulheres, algumas prefiriram se afastar após a gravidez, registrando seus filhos com outros homens.

Raymond não trabalha há dez anos por causa de dores nas costas e admite o uso de cannabis para ajudar com seus problemas médicos, mas alegou que só vendeu aos amigos para cobrir os custos.

O juiz impôs uma sentença de 18 meses, suspensa por dois anos. Ele também colocou Raymond Hull sob toque de recolher noturno para os próximos seis meses e o ordenou pagar £200, que serão retirados de seus benefícios.

Filho de Raymond Hull comentou em foto publicada em sua rede social%3A "Você tem que aprender como usar"Reprodução / Internet


Últimas de _legado_Mundo e Ciência