Presidente da França anuncia que segunda caixa-preta foi encontrada

Foi achada apenas a carcaça de mecanismo. Tragédia com Airbus vitimou pessoas de ao menos 16 nacionalidades

Por O Dia

França - O presidente da França, François Hollande, anunciou nesta quarta-feira que foi encontrada a carcaça da segunda caixa-preta do avião Airbus A320 que caiu nos Alpes, mas não o seu conteúdo, que continua sendo procurado. Em discurso feito conjuntamente aos chefes de governo de Espanha, Mariano Rajoy, e da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, Hollande prometeu que as circunstâncias do acidente serão esclarecidas e divulgadas.

A tragédia deixou 150 mortos. O avião fazia o trajeto entre Barcelona e Düsseldorf. Os passageiros do voo eram de cerca de 16 nacionalidades diferentes, a maioria espanhóis e alemães. A primeira caixa-preta, que foi encontrada danificada, já está sendo analisada em Paris pelo organismo de investigação aérea (BEA), e hoje mesmo podem ser conhecidos os primeiros resultados do exame.

Queda de avião da Germanwings matou cidadãos de ao menos 16 países

Presidente francês François Hollande%2C a chanceler alemã Angela Merkel e o premiê espanhol Mariano Rajoy Reuters

No entanto, Hollande pediu paciência porque a análise será "difícil", e assegurou que os soldados que estão no lugar da colisão continuarão a busca pelo conteúdo da segunda caixa-preta até ela ser encontrada. "Necessitamos compreender o que se passou, devemos isto às famílias e países afetados.

A França empreendeu grandes recursos na investigação para que possamos saber tudo. Infelizmente temos certa experiência", acrescentou o presidente francês. Para Hollande, o deslocamento da população local e dos serviços públicos como gendarmaria e bombeiros foi "uma mostra de solidariedade e grande eficácia, apesar de infelizmente não haver possibilidade de se achar sobreviventes". Antes do pronunciamento, Hollande, Rajoy e Merkel visitaram a capela instalada na cidade de Seyne-les-Alpes, próximo ao lugar do acidente, onde cumprimentaram os integrantes das equipes de resgate.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência