Grandes obras urbanísticas no Rio entram na reta final

São concluídos no 1º semestre a Praça do Trem, próximo ao Engenhão, e o Museu do Amanhã, na Região do Porto

Por O Dia

Rio - Depois de a cidade receber o túnel subterrâneo Rio 450, no início do mês, outras grandes obras estão na reta final e serão entregues aos cariocas ainda neste ano. A próxima, prevista para entrar em funcionamento até junho, é a Praça do Trem, no entorno do Engenhão, com 35 mil metros quadrados de área pública, tornando-se o maior parque do Grande Méier. O Museu do Amanhã, na Região Portuária, abre suas portas também neste primeiro semestre. E até o fim de 2015, outros três projetos estarão concluídos: a ciclovia no costão da Avenida Niemeyer; o lote zero do BRT Transoeste, da Alvorada ao Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca; e a praia de Rocha Miranda, no Parque Madureira.

O ano de 2015 já é considerado o auge das obras cariocas, segundo o secretário municipal de Obras, Alexandre Pinto. “Esse é o ano de maior execução para estar tudo pronto no ano que vem. Nunca o Rio viu tanta obra ao mesmo tempo”, declarou o secretário. Com orçamento de R$ 115,7 milhões, o projeto de urbanização no entorno do Engenhão terá ares modernos, com novo sistema de iluminação com lâmpadas de LED e fiação subterrânea, para colocar fim aos postes. Na área livre, que será três vezes o tamanho do Jardim do Méier, estão previstos uma ciclovia e um espaço para ações culturais e esportivas nos dois galpões que passam por reformas. Durante as Olimpíadas, eles vão servir para armazenar mobiliários esportivos. No pacote de infraestrutura do entorno do estádio, 34 ruas foram reurbanizadas.

Nos galpões da Praça do Trem%2C acontecerão ações esportivas e culturais%3A projeto custou R%24115%2C7 milhõesFernando Souza / Agência O Dia

No segundo semestre, o anel cicloviário da orla estará fechado com a implantação dos 3.900 metros de pista para bicicletas, no trajeto paralelo à Avenida Niemeyer. Quando for inaugurada, a ciclovia passará a ligar a Praia da Macumba, no Recreio, até o Parque do Flamengo, numa distância de mais de 30 quilômetros.

As nove estações do lote zero do BRT Transoeste, na Barra, vão entrar em operação em dezembro e atender a mais de 140 mil pessoas por dia. Os ônibus articulados circularão por seis quilômetros e, no ano que vem, serão integrados à Linha 4 do Metrô. No total, o corredor passará a ter 56 quilômetros, da Barra até Santa Cruz.

Zona Norte terá praia artificial

Duas opções de lazer, completamente diferentes, vão estrear na Cidade Maravilhosa. Até junho, o Museu do Amanhã, construído numa área de 15 mil m², no Píer Mauá, será inaugurado. O espaço cultural terá quatro grandes áreas de exposição e uma vista panorâmica para Baía de Guanabara.

No fim do ano, a Zona Norte ganhará sua praia artificial, em pleno Parque de Madureira. O balneário está sendo construído em Rocha Miranda, com uma faixa de areia de 500 m² e um reservatório de 150 mil litros d’água. Além da praia, mais 700 metros de extensão do Parque entrarão em funcionamento. Até 2016, o espaço chegará a 4,5 quilômetros de extensão.

Últimas de Rio De Janeiro