Mulheres optam por roupas longas e fechadas para se proteger de picadas

Neste verão há um guarda-roupa completo para quem deseja se proteger dos raios solares e dos mosquitos

Por O Dia

Rio - Alpargatas, calça Pantacourt (pantalona curta), blusas longas boca de sino, vestidos até o chão, saias floridas longas. Neste verão há um guarda-roupa completo para quem deseja se proteger, além dos raios solares, da picada de mosquitos — como o que pode transmitir doenças como Zika, dengue e chicungunya — mas sem perder o estilo. Mesmo com repelentes e protetor solar, as roupas mais longas ajudam a dar o toque final na produção e na prevenção de picadas.

“Tenho visto muita mulher com vestidos longos. Mosquito gosta muito de pernas”, comentou Ana Andreazza, consultora de moda. Mas também há blusas que podem proteger, como as bocas de sino usadas nos anos 70 pelos hippies e que hoje estão voltando com força. “Não é mais só shortinho ou blusa sem manga. Estamos mais abrangentes com a moda”, disse.

A consultora aconselha roupas feitas de algodão e de jersey, aqueles molinhos, fáceos de manusear e que não amassam. “As roupas desses tecidos, abertas, são ótimas. Não importa se é comprida, sempre ventila”, explica. Não só roupas para passeio, mas quem deseja passar o dia na praia não precisa se preocupar com a exposição do corpo. “Tem maiô de manga comprida e biquínis mais fechados que são ótimos para se precaver”, acrescentou.

A universitária Leyda Torquato, de 23 anos, é amante das calças largas e com o alarme dos vírus transmitido pelos mosquitos, aderiu à moda. “Uso sempre. Em festas ou viagens durante o dia. São fresquinhas”, conta ela, adepta também da saia longa para proteger as pernas do sol e dos mosquitos. “Além de me sentir mais à vontade, acho estiloso sair do look rotineiro do shortinho”, diz ela.

Márcia Ribeiro, diretora médica do Oeste D’or, diz que no verão é importante não dispensar o uso do protetor solar e não desgrudar do repelente. “O mosquito pica durante o dia, é importante sempre reaplicar o repelente”, afirmou. “Roupa clara, leve e de algodão também é uma boa sugestão para tentar cobrir a maior parte do corpo”, completou.


Últimas de Rio De Janeiro