Pagamento do IPVA assusta cariocas: gastos aumentam em quase 30%

Carros flex e a gás são os mais afetados

Por O Dia

Rio - O aumento das alíquotas do IPVA no estado tem assustado os proprietários de veículos que começaram, na quarta-feira, a imprimir as guias de pagamento do imposto. Em alguns casos, os reajustes chegam a quase 30% nos gastos com o licenciamento anual do veículo.

Os mais afetados são os carros bicombustíveis, os chamados flex. As alíquotas desses veículos, que eram menores até 2015, passaram 3% para 4% do valor do automóvel, a mesma dos carros de passeio a gasolina. No caso dos veículos a gás, o imposto passou de 1% para 1,5% e, para as motocicletas acima de 250 cilindradas, a alta foi de 2% para 2,5%.

Jonathan Nobre%2C que tem carro movido a gás natural%2C viu seus gastos aumentarem quase 20% em 2016Alexandre Brum / Agência O Dia

Proprietário de automóvel a gás, o assistente de projetos de TI, Jonathan Nobre, de 27 anos, terá de desembolsar R$ 100, um acréscimo de 19,2% incluindo as taxas que terá de pagar para fazer o licenciamento. “Se meu carro fosse à gasolina, ainda seria mais caro. Mesmo assim, na crise que estamos, cem reais fazem falta sim”, ressaltou.

A jornalista Estela Monteiro viu o total (incluindo as taxas) para o seu carro flex passar de R$ 700 para R$ 900, uma alta de 28%. O motorista Paulo Cesar de Castro, de 46 anos, ainda não conferiu quanto vai ter que pagar, entretanto, já está desanimado ao saber que a maioria dos amigos foram aumentados em cerca de R$ 200. “Vou ter que trabalhar mais para pagar. No meu caso, carro não é luxo, é meu sustento. Fica complicado quando o governo não entende isso”, comentou.

Trocar um veículo a gasolina por um a gás foi estratégia para o motorista Oswaldo Alves, de 36, ter desconto na taxação. Porém, esperava uma economia maior. O policial reformado Jorge Gustavo Menezes, de 64, ainda ficou espantado ao imprimir o boleto com a data de pagamento. O documento apresentava validade diferente da oficial. “Placa de final 9 paga até o dia 16 de fevereiro, mas no papel, está para o dia 3.” A Secretaria Estadual de Fazenda informou que foi um erro na configuração do documento e de responsabilidade do banco, mas que garante o calendário do portal do Detran.


Últimas de Rio De Janeiro