Caso Gagliasso: Adolescente que fez injúria é negra e diz não estar arrependida

Polícia encerrou o caso de ofensas racistas a pequena Titi e menor responderá por fatos análogos aos crimes de injúria e falta identidade

Por O Dia

Rio - A Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) encerrou o caso de racismo contra a pequena Titi, filha de Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank. De acordo com Daniela Terra, titular da especializada, a adolescente de 14 anos, que se declarou negra, cometeu o crime sozinha e disse não estar arrependida. Ela responderá por fatos análogos aos crimes de injúria e falta identidade.

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank posam com a filhaReprodução Internet

"Ela não se mostrou em nenhum momento arrependida, o que causou muita estranheza até para a gente. Perguntamos qual a cor que ela achava que tinha e foi clara ao dizer que era negra. E não mostrou arrependimento, pelo contrário, disse que queria fazer isso", contou Terra.

A jovem, de Guarulhos, São Paulo, fez o perfil falso com a intenção de cometer as injúrias para "zoar", além de prejudicar uma outra menina, que é uma parente e teve a foto e o nome usados. A frieza da adolescente ao revelar o crime e não mostrar arrependimento surpreendeu a delegada.

"Existem negros na família, ela se diz negra, a mãe também é, é com surpresa e tristeza que a gente vê que isso está acontecendo e é um passo para trás em nossa sociedade", falou.

Por conta da internet ser compartilhada por várias casas, foram cumpridos mandados de busca e apreensão em todas as residências e os moradores prestaram depoimento, o que descartou o envolvimento de outras pessoas. 

Ela será apresentada a um juiz da Infância e Adolescência, que vai determinar a medida socio-educativa que deverá cumprir. Terra pede que os pais fiscalizem o que os filhos fazem na internet e, para quem comete crimes na web, avisou que eles podem ser presos.

"A grande maioria que faz uso das redes sociais são menores. Os pais deveriam ter maior fiscalização em cima dos filhos. O que estamos vendo acontecer é que as pessoas usam a internet achando que não serão identificadas usando perfis falsos. O que é uma falsa percepção, pois conseguimos chegar a estas pessoas que cometem estes crimes, pois deixam rastros."

Últimas de Rio De Janeiro