Crivella sobre privatização da Cedae. 'Preciso garantir a despoluição da Baía'

Prefeito revela conversa com governador Pezão sobre o processo de privatização. 'Noventa porcento da operação da Cedae é na cidade'

Por O Dia

Rio - Na inauguração do trecho do VLT que liga a Saara até a Praça XV, na manhã desta segunda-feira, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, falou do processo de privatização da Cedae, acordo entre a União e o governo estadual para retirar o estado da crise.

"O Rio de Janeiro precisa ser ouvido. Noventa porcento da operação da Cedae é na cidade. Eu preciso garantir a despoluição da nossa Baía, das nossas lagoas e os 100% que foram prometidos do tratamento de esgoto. É isso o que estamos discutindo, para colocar na proposta", contou Crivella.

O prefeito disse que não há intenção de 'melar' o acordo costurado entre os governos federal e estadual. "Conversamos (com Pezão) e não há intenção nenhuma de atrapalhar a negociação do governo do estado, que é importante para botarmos nossas finanças em dia", falou.

??VLT deve revitalizar Saara, espera prefeito

O prefeito do Rio espera que o novo trecho do VLT revitalize a região comercial da Saara. "Espero que com essa linha possamos revitalizar todo o comércio da Saara. Vai tirar muito carro e ônibus da rua e melhorar também para os pedestres", prometeu, lembrando que esta semana o serviço será gratuito.

O trajeto da Saara até a Praça 15 conta com duas paradas intermediárias: Tiradentes, na Praça Tiradentes, e Colombo, perto da tradicional e centenárias confeitaria.

Com a chegada do VLT à Praça 15, os passageiros de Niterói, Cocotá e Ilha de Paquetá que utilizam as barcas serão beneficiados com uma nova opção de integração. "Temos que comemorar a integração da Barca com o VLT", falou Crivella.

?Com informações de Paola Lucas

Últimas de Rio De Janeiro