Racionais MCs e Criolo são destaques do fim de semana para fãs do rap e hip hop

Ritmo, rimas e poesia: a cidade está repleta de atrações como shows e festas

Por O Dia

Rio - Preconceito, racismo, covardia policial, corrupção. “São temas que estão enraizados na história do Brasil, não tem como fugir disso nas letras”, analisa Edi Rock, uma das vozes do influente grupo de rap Racionais MCs, atração no Citibank Hall amanhã. “Acredito na força da música, é uma ferramenta para mudar isso. A gente canta e o cara ouve como uma reflexão, ajuda ele a ter um senso crítico de melhora. Uma frase da letra pode fazer ele mudar o seu próprio destino, voltar pra escola, largar as drogas, acordar pra vida, depende do estado de espírito em que você está ouvindo a música, e não só dos Racionais, tem uma galera aí.” 

Lançando novos CDs%2C Racionais MCs tocam na Barra da Tijuca e Criolo (abaixo)%2C no Circo VoadorMarcelo Pretto


É verdade. O ritmo, as rimas e a poesia dos rappers estão pela cidade — confira no destaque um roteiro do gênero para o fim de semana. Entre esses novos manos de caneta afiada, destaca-se Criolo, que se apresenta hoje e amanhã no Circo Voador. Revelação do rap, ele agora atinge um público que vai além dos fãs de hip hop.

“O fã do hip hop é um cara plural, porque ele vem da mistura: tem a música, mas também tem a dança, os grafites, as bases dos DJs”, ressalta Kleber Cavalcante Gomes (seu nome de batismo), hoje muito mais classificado como cantor do que exclusivamente um rapper. “Mas o rapper é também um cantor, embora o cantor não seja necessariamente um rapper. Porque tem uma questão de vivência. Uns dizem que sou cantador, uns dizem que sou MC, outros falam até que sou uma fraude. De qualquer forma , é uma honra existir. Venho de uma situação social de sofrimento e pobreza, então só de um cara olhar pra mim e dizer que eu não existo, eu já existi”, filosofa. 

Criolo se apresenta no Circo VoadorMarcelo Pretto


Tanto Criolo como os Racionais apresentam no Rio suas rimas mais recentes: ele traz as músicas de ‘Convoque Seu Buda’ e o grupo vem com a turnê do disco ‘Cores & Valores’. “Nosso show é dividido em duas partes: começamos tocando o disco novo completo e, na segunda parte, a gente canta músicas de discos anteriores. São mais uns 50 minutos de músicas antigas”, detalha Edi Rock. “O cenário é todo novo e não tem nada de LED, é cenário mesmo, montado, construido, tá me entendendo?” Entendido, Edi!

CHAMA O SÍNDICO

Entre um show e outro, Criolo finaliza com Ivete Sangalo as gravações de um CD dedicado a Tim Maia, desdobramento do encontro da dupla na turnê ‘Viva Tim Maia’, que está passeando pelo Brasil e aterrissa no Rio dia 21 de junho, na Praia de Copacabana. “Transformar essa homenagem em um álbum é uma grande honra. E é também uma forma de agradecer aos DJs do meu bairro, que me apresentaram o universo de Tim nos bailes de colégio, nas festas de rua”, frisa ele. 

ORGULHO GAY

“O próprio Criolo me ligou, há uns 15 dias, e me fez o convite”, surpreende-se Rico Dalasam, que de pronto topou abrir o show do artista no Circo Voador. “O Criolo postou nas redes sociais uma foto nossa juntos e logo publicaram comentários de zoeira, do tipo: ‘Esses aí são Jesus e Deus do rap’.”

Conhecido como o ‘rapper gay’, o rimador de 25 anos versa sobre orgulho LGBT e atesta que há cada vez mais homossexuais no meio do hip hop. “Já tem a maior galera falando que vai no show para assistir não só ao show do Criolo, mas também para conhecer o Rico Dasalam”, comemora, tratando-se na terceira pessoa.

Nascido e criado na região metropolitana de São Paulo, ele já se apresentou duas vezes no Rio, e esta próxima será uma dupla estreia: a primeira vez abrindo para o ídolo e também a primeira sob a lona da Lapa. “Estou tentando não deixar a emoção me invadir. Vim ao Rio em janeiro, para uma festa na praia do Arpoador, e já tinha um monte de gente cantando as minhas músicas. Mas esse meu rolê ainda é muito recente, ainda estou construindo o meu público”, conta.

Enturmando-se cada vez mais na cena do Rio, Dalasam lista seus rappers cariocas preferidos: “Tem três caras que eu gosto pra caramba. Primeiro, o Xará, um MC incrível, tem uma caneta sensacional. Não posso deixar de falar do Marechal, obviamente, ele é o pai de todos. E também acho o Filipe Ret incrível... e um fofo!”, elogia. 

HIP HOP IN RIO

BATALHA DA LIRA
Trazendo o KL Jay, DJ dos Racionais. Lira de Ouro. Rua José Veríssimo 72, Centro, Duque de Caxias. Domingo, às 16h. Grátis.

CRIOLO
Show no Circo Voador. Rua dos Arcos s/nº, Lapa (2535-0354). Hoje e amanhã, às 22h. R$ 120 (estudantes e maiores de 60 anos pagam meia).

FÚRIA HIP HOP
A equipe faz o baile na Lapa desde 1998. Febarj. Avenida Mem de Sá 37, Lapa (7536-4251). Hoje, a partir das 23h. Até meia noite, a entrada é gratuita para show da banda Orunmila, depois é pago — R$ 5 (mulher) e R$ 10 (homem) — e a Fúria começa a tocar a partir de 1h.

GROOVE PARTY
Edição especial Snoop Dogg, festa de lançamento do CD ‘Bush’. La Paz Club. Rua do Rezende 82, Lapa (2509-2403). Amanhã, às 23h. R$ 35.

ORIN REC_PRODUTO NACIONAL
A festa comemora os 40 anos do disco clássico ‘Tim Maia Racional’. Rua Pedro Lessa s/nº. Cinelândia. Amanhã, às 19h . Grátis.

RACIONAIS MCS
Show no Citibank Hall. Avenida Ayrton Senna 3.000, Shopping Via Parque, Barra da Tijuca (4003-5588). De R$ 80 a R$ 250 (estudantes e maiores de 60 anos pagam meia).

RODA CULTURAL DE BRÁS DE PINA
Acontece a cada 15 dias, sempre às sextas-feiras. Praça Anhangá (praça do Country). Brás de Pina. Hoje, a partir das 19h30. Grátis.

Últimas de Diversão