Dunga explica por que barrou Jefferson na seleção brasileira

Técnico rebate declarações do goleiro para a imprensa

Por O Dia

Rio - Técnico da seleção brasileira, Dunga explicou por que barrou Jefferson após o jogo contra o Chile, no primeiro compromisso pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Na ocasião, o goleiro do Botafogo tomou um gol que era defensável. Porém, a falha não interferiu na opção do treinador.

Jefferson perdeu o posto de titular do Brasil após o jogo contra o ChileRafael Ribeiro / CBF / Divulgação

"A decisão de tirar a titularidade do Jefferson foi minha após falar com o Taffarel (preparador de goleiros) e toda a comissão. Alisson estava sobrando nos treinamentos. Foi muito parecido quando treinei o Internacional, com o irmão dele (Muriel). Alisson estava sobrando. O jogador se escala, não tem igual", declarou Dunga em entrevista ao programa "Boa Noite Fox", da "Fox Sports".

Recentemente, Jefferson declarou que merecia um crédito maior na seleção brasileira. Dunga não gostou do fato de o goleiro ter falado sobre o tema com a imprensa.

"Tem de vir falar para mim, não adianta falar para os outros porque não vai mudar nada em meu pensamento. Eu falo para os meus jogadores. Não quero ter razão, quero ganhar. Se me provar que A é melhor que B, eu troco. Mas tem de me provar", encerrou.

Últimas de Esporte