Desde legalização no Colorado, preço de maconha para fins recreativos dobra

Paga-se US$45 por 3,5 gramas de maconha recreativa contra US$ 25 em maconha medicinal

Por O Dia

São Francisco (Estados Unidos) - "Liberdade!" Era essa a palavra que algumas pessoas gritavam ao saírem da loja Medicine Man Denver que começou a vender maconha para uso recreativo na semana passada. Mesmo pagando US$ 45 por cerca de 3,5 gramas de maconha recreativa, contra US$ 25 em uma mesma quantidade para fins médicos, a possibilidade de comprar a erva legalmente parecia não ter preço.

Desde que o estado do Colorado se tornou o primeiro a legalizar a venda da maconha para pessoas com mais de 21 anos em 1º de janeiro, o preço da erva no varejo dobrou. A maconha para uso recreativo é vendida a US$ 400 a onça (o equivalente a 28,3 gramas) enquanto a maconha para fins medicinais é vendida a US$ 200 a onça.

Com um documento com foto que comprove que eles têm mais de 21 anos, os residentes do Colorado podem comprar até uma onça de maconha em cada transação. Pessoas de fora do estado só podem comprar um quarto de onça. Não se pode consumir o produto em público, o que inclui as lojas que o comercializam.

Em novembro de 2012, os eleitores do Colorado aprovaram através de referendo a descriminalização da droga desafiando a lei federal que ainda coloca a maconha como substância ilegal.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência